no comments

PADRE BETO EXPLICA TEMA DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE

[img align=left]http://www.jaraguadosul.sc.leg.br/uploads/thumbs/bd1e4d89-b1d1-89b7.jpg[/img]
O pároco da Igreja Matriz São Sebastião, Carlos Alberto Dias, o padre Beto, esteve na sessão da última quinta-feira (11) na Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul para falar sobre a Campanha da Fraternidade de 2010. Convidado a pedido do vereador Francisco Alves (PT), o padre explicou que o objetivo da campanha deste ano é “lembrar a buscar a civilização da fraternidade, da partilha e do amor”. “A campanha deste ano não é um grito contra o dinheiro ou contra o capital. É muito claro para a igreja que o dinheiro não é um mal em si, mas quando mal aplicado pode se tornar a desgraça de alguém ou de muitos”, explicou.
Padre Beto salientou que a campanha deste ano é ecumênica e reúne em torno da campanha as igrejas cristãs de todo o Brasil. Ele explicou que o lema deste ano chama a sociedade para a reflexão da acumulação exagerada de renda e que a doação deve fazer parte do dia a dia das pessoas. O pároco lembrou que Jaraguá do Sul conta com empresas que desempenham um trabalho exemplar prestando um serviço ao bem comum. “A doação e colaboração nas reformas dos nossos hospitais é um exemplo”, ressaltou.
O vereador Justino Pereira da Luz (PT) perguntou sobre as ações da Igreja durante a quaresma em Jaraguá do Sul. Segundo o discurso de padre Beto, o dinheiro arrecadado pela diocese ajuda a manter uma casa para idosos, casas para recuperação de dependentes de drogas lícitas e ilícitas, cozinhas comunitárias e creches para crianças carentes. “Além dessas ações, gostaria de lembrar que nós fazemos fóruns de debate com a sociedade no sentido de promover as pessoas necessitadas. Nós não podemos entrar no assistencialismo e temos de levar as pessoas a serem provedoras da sua própria sobrevivência”, disse.
O padre pediu aos vereadores que continuem atuando no sentido de querer o melhor para a população. “Que lembrem que o bem comum deve estar acima de ideologias partidárias. Os senhores devem continuar honrando essa Casa de Leis, pois a função de vocês tem um pouco de divina, pois zelam pelo bem estar do povo, dos filhos de Deus”, frisou. “Reafirmo o meu carinho e respeito por esta Casa, pois os senhores são os nossos legítimos representantes”, completou, destacando que mesmo que as ideais sejam divergentes, o respeito deve ser mútuo. Por fim, o padre Beto posou para uma foto com os vereadores.