no comments

Vereador deseja campanha para identificar dislexia

14O vereador José de Ávila sugere, através requerimento, que o município crie um programa específico para identificar e tratar a dislexia nas escolas municipais. Na justificativa, o parlamentar reforça a necessidade de orientações sobre o distúrbio, que é a dificuldade de ler, escrever e escutar, e a importância do diagnóstico na fase de alfabetização.
Ele salienta que somente com o tratamento adequado em fase inicial pode-se prevenir esse grave distúrbio, que normalmente é confundido com preguiça ou má formação educacional. No documento, Ávila sugestiona a criação nas escolas de programas efetivos que envolvam equipes multidisciplinares para realizar uma avaliação precisa e que garanta o acompanhamento do profissional necessário.
Além disso, sugestiona ações educativas, de conscientização e esclarecimento sobre a dislexia. “É um problema mais comum do que se parece entre os estudantes da rede de ensino, por isso a necessidade identificar e dar o tratamento adequado para as crianças e jovens”, justifica o vereador.