no comments

Vereador propõe campanha “Ciclista seja vivo”

DSC08019O vereador José Osório de Ávila sugere a realização de uma campanha municipal intitulada “Ciclista seja vivo”. A intenção foi apresentada através de um requerimento, acompanhado de uma minuta de projeto, aprovado na sessão desta quinta-feira, 24.

A sugestão do parlamentar é a realização de uma campanha anual para a prevenção de acidentes de trânsito. De caráter educativo e informativo, a iniciativa consiste na distribuição gratuita de panfletos ou cartilhas contendo, obrigatoriamente, todas as normas relativas ao trânsito que incidam sobre o ciclismo, bem como as respectivas penalidades.

Ainda segundo a proposta, a campanha deve integrar o calendário oficial e eventos do município. A Prefeitura poderá inclusive firmar parcerias ou convênio com entidades, órgãos públicos e privados, para a execução da iniciativa.

Para contribuir e explicar sobre a motivação para a iniciativa, o presidente da Câmara convidou o profissional de educação física e ciclista Rogério Müller. Ele relatou as dificuldades vivenciadas pelos atletas para fazer seus treinos nas ruas do município. “Morei em dez cidades, menores e maiores, e me assusta a maneira como o ciclista é tratado no trânsito de Jaraguá do Sul”, desabafou.

Müller revelou que demorou seis meses para deixar seu filho fazer do ciclismo sua modalidade esportiva devido a falta de segurança. Na avaliação dele, não somente os motoristas, mas os próprios ciclistas precisam ser educados para o trânsito. “Ele deve entender que faz parte do trânsito”, comentou.

O profissional elogiou a implantação das ciclofaixas no centro da cidade, mas entende que a conscientização da sociedade deve ser o primeiro passo. Segundo ele, a sensação é de que os motoristas ficaram com raiva dos ciclistas, pelo estreitamento das pistas e a diminuição nas vagas de estacionamento decorrentes da medida.

Outro dado apresentado por ele é de que, mesmo com as ciclofaixas, o número de acidentes envolvendo os usuários de bikes aumentou este ano. Segundo ele, 13 dos 15 atletas da cidade sofreram algum tipo de acidente. Para mudar as estatísticas, ele avaliza a iniciativa do vereador José Osório de Ávila e pede apoio das autoridades na implantação da campanha, e também da sociedade para uma nova cultura no trânsito de Jaraguá do Sul.