no comments

AMARILDO SARTI DENUNCIA FALTA DE SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS ESTRUTURAIS

[img align=left]http://www.jaraguadosul.sc.leg.br/uploads/thumbs/bd1f737a-0f1c-7432.jpg[/img]
O vereador Amarildo Sarti (PV) lembrou, na sessão da última terça-feira (30), de pedidos feitos há muito tempo por moradores do bairro Vila Rau, Três Rios do Sul e adjacências. Segundo ele, há graves problemas estruturais nessa região que merecem atenção da municipalidade. Várias questões citadas pelo vereador estão diretamente ligadas ao Condomínio Industrial, construído durante o governo do ex-prefeito e atual vice-prefeito Irineu Pasold (PSDB). “A iniciativa da construção do condomínio foi boa, pena que a estrutura ficou meio de lado”, alertou o vereador.
Sarti mostrou duas reportagens feitas pela TV Câmara Jaraguá, que denunciavam os problemas enfrentados há anos pelos moradores, um deles as constantes enchentes que causam transtornos à comunidade. “O condomínio foi construído acima do nível dos demais lotes. Quando há um grande volume de chuva, a água não escorre em direção ao rio e fica represada”, explicou o morador Olavo Kisnir. O irmão de Olavo, Osnir Kisnir, apontou uma possível solução para o problema. “Se colocassem mais um tubo de um metro e meio, o escoamento da água seria mais fácil”, comentou.
O vereador ainda comentou que as valas a céu aberto, localizadas nos dois lados da rua Afonso Nicoluzzi, são um criadouro ideal para o mosquito da dengue. “As valas ficam cobertas de mato e isso faz com que o mosquito se procrie mais facilmente”, explicou.
Amarildo citou ainda a situação enfrentada pelos moradores da rua Evaristo Franzner, que tem um morro que ocupa metade da via. “Há 12 anos os moradores pedem que seja feita o alinhamento da rua e eles não são atendidos”, exclamou. Ele explicou que a pavimentação e o melhoramento do sistema de escoamento são necessários, pois a rua sofre com inundações causadas pelo entupimento das bocas-de-lobo. Esses problemas atingem uma cadeirante, que tem sua acessibilidade comprometida.
Outra situação que incomoda os moradores é a erosão que atinge a única área de lazer da comunidade. Construída por iniciativa dos próprios moradores, o campo de futebol é bem cuidado, mas sofre com uma erosão causada por uma tubulação rompida. “A única coisa que falta é um auxílio para que se mude a vazão do córrego que corre ao lado e evitar futuros acidentes”, criticou Sarti.

[b]POSSAMAI ASSEGURA QUE PROBLEMA DO CONDOMÍNIO INDUSTRIAL DEVE SER SOLUCIONADO[/b]

O vereador Ademar Possamai (DEM) falou sobre o condomínio industrial, onde sua filha trabalha. Assegurou que dia destes encontrou dois secretários do município discutindo um projeto para melhorar a infra-estrutura no local. “Começaram a casa sem ter feito o fundamento, é bom, interessante, mas não pensaram em drenagem e trilho, que tem tubulação por baixo, mas quem fez não teve bom senso. Nem interessa quem fez, mas infelizmente este é o conceito de gestão pública, fazer a coisa bem feita é o que está faltando”.
Lembrou que Jaraguá cresce tanto quanto na China. Pediu reflexão para dizer que a prefeita não é responsável por tudo que está acontecendo de ruim e acredita que a administração vai resolver grande parte dos problemas. “Existe preocupação sim, a administração está trabalhando. E asfalto é a solução para tudo?”, questionou aos colegas.