no comments

NECESSIDADE DE TUBULAÇÃO VOLTA A SER DEBATIDA

O vereador Justino Pereira da Luz (PT) apresentou na sessão da última quinta-feira imagem mostrando que em agosto do ano passado estourou uma adutora e o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) colocou os tubos para completar a rede, mas eles estão desaparecendo em meio ao capim. Ele quis saber o que está previsto para aquela tubulação.
O líder do governo, Ademar Possamai (DEM), disse que esteve no local para tratar deste assunto. Segundo ele, existe um projeto que está no Ministério da Integração Nacional para asfaltar a rua do condomínio industrial, mas a rua precisa ser levantada, e por isso a tubulação não foi colocada em função disso, além da necessidade de fazer o redimensionamento da tubulação. “É uma questão que envolve muitas outras questões e acabou ficando complexo. Até os moradores têm dúvidas que pode estrangular a vazão de água”, explicou, dizendo que a rua deve ser ligada à BR-280, e teria que fazer um anel para usar a mesma via.
Justino então sugeriu que os tubos sejam aproveitados em outro local, porque eles podem ser alvo de vandalismo. Pediu o protocolo do projeto que está junto ao ministério para verificar se está andando ou não, já que recentemente três vereadores estiveram em Brasília e o vereador Francisco Alves (PT) também está agendando viagem até lá.
“Também tem outra tubulação para a rua Jorge Verbinnem com o Três Rios do Sul, Bordin (secretário de Obras) emitiu ordem de serviço, e está preocupado com as chuvas de maio”, destacou Justino. Possamai disse que a Prefeitura deu entrada a projeto de lei que o ministério está disponibilizando e vai liberar para os municípioz que apresentarem projetos, para a compra de máquinas.
“Jaraguá está carente de máquinas e para aplicação de tubos. Falta estrutura de máquina e de pessoal para iniciar este trabalho”, explicou Possamai, dizendo que em seu bairro a situação também se repete.
O vereador Jaime Negherbon (PMDB) disse então que os vereadores estão de parabéns. “Pelo menos os tubos já estão lá. Agora falta colocar. Eu ainda não ganhei os tubos nos bairros São Luiz, Tifa Martins e Barra do Rio Cerro. Não vejo um tubo sequer. Espero que terminando lá voltem atenção para estes bairros e outras localidades que ainda precisam. Alagamentos são problemas graves. Esgoto a céu aberto não faz bem a ninguém”.