no comments

Câmara homenageia 50 anos da Escola Erich Blosfeld

A passagem dos 50 anos da Escola Erich Blosfeld foi homenageada pela Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul, em sessão realizada na instituição na última quinta-feira, 11. A reunião foi prestigiada por alunos, funcionários, e pela comunidade, representada pelas Associações de Moradores dos três bairros – Águas Claras, Ilha da Figueira e Boa Vista –, que fizeram uso da palavra para relatar as conquistas e as necessidades das comunidades. O secretário de Educação, Silvio Celeste, representou a prefeita Cecília Konell.

Em nome da escola, foram homenageados a primeira professora da instituição, Maria Helena Cordeiro, e os familiares do patrono da escola, representado pelo seu bisneto, Fernando Mansur Blosfeld. Eles receberam uma placa e flores, e um DVD com relatos sobre a história da unidade escolar.

O vereador Afonso Piazera Neto destacou o crescimento da escola que acompanhou ao longo dos anos. “Se tudo isto aconteceu neste período é porque existem cidadãos que trabalham, uma sociedade ordeira. Nós como vereadores somos um elo ligando os senhores ao Executivo, mas tenham a certeza que são exemplos como o de hoje, em que deixaram suas casas e vieram aqui, que fazem com que nós nos sintamos com uma responsabilidade muito maior. Que outras comunidades sigam este exemplo”, comentou.

Proponente da sessão itinerante junto com o vereador Francisco Alves, Natália Lúcia Petry comentou da importância da escola não só no campo do conhecimento, mas preparando o aluno para viver na sociedade. “Mais do que nunca, a escola precisa preparar o aluno para o exercício consciente da cidadania”, reiterou.

A diretora da escola, Quelis Stringari Deretti, destacou o compromisso dos funcionários, alunos e de toda a comunidade para tornar a escola cada vez melhor, com uma estrutura apropriada e ensino de qualidade. “A direção não está sozinha e não faz nada sozinha. Todos contribuem para um único objetivo: educar bem e ensinar conteúdos significativos àquelas que não são apenas o nosso futuro, mas já fazem parte do nosso presente: as crianças”, discursou.