no comments

Comissão apresenta relatório final

IMG_8215O vereador Jeferson de Oliveira, relator da comissão especial de prevenção e redução dos efeitos das enchentes, solicitou na sessão extraordinária, realizada na noite de ontem, 17, através do relatório final do colegiado, que o Poder Executivo instale com urgência a rede de sensores sem fio e que interligue o sistema de informações entre todos os municípios da Amvali e que realize o desassoreamento dos rios Jaraguá e Itapocu para melhorar o fluxo das águas.

No documento, que contem 12 páginas, o parlamentar também solicita que sejam executadas obras, em todas as áreas mapeadas por alagamentos, para que as águas possam ser evacuadas através de drenos, de implantar sistema de réguas, para que os moradores saibam, através de informações da Defesa Civil, se suas casas serão atingidas, que efetue limpeza imediata por hidrojato em toda rede pluvial e que invista recursos públicos na troca de toda a rede pluvial por galerias ou tubulação que proporcione maior vazão. Também solicitou a disponibilização do orçamento do Legislativo, no valor de R$ 400 mil, com a finalidade de desenvolver laudos com o objetivo de liberar áreas interditadas. “Recomendo que ao Executivo que possibilite total apoio a Secretaria da Defesa Civil para que tenha recursos disponíveis para implantar projetos e obras necessárias para diminuir o impacto das cheias”, disse o vereador, reafirmando no relatório que o município terá que conviver com essa situação ocasionada por desastres naturais.

A Comissão, composta pelos vereadores Jair Pedri, Jeferson de Oliveira, Amarildo Sarti e Jocimar de Lima, trabalhou durante cinco meses. Ouviu os ex-secretários Aristides Painstein e Jair Alquini, o geólogo Normando Zitta, os secretários de Urbanismo, Ronis Bosse, e da Defesa Civil, Marcelo Prochnow e o professor da Católica, Mauricio Henning.