no comments

Loli lamenta morosidade dos órgãos públicos

Vereador Lorival Demathê (PMDB)

Vereador Lorival Demathê (PMDB)

O vereador Lorival Demathê informou que na semana passada se reuniu com o superintendente do Dnit, João José dos Santos, em Florianópolis. Acompanhado do deputado Carlos Chiodini, foi tratar da construção de rotatória na BR-280, no trecho entre os bairros Braço Ribeirão Cavalo e Nereu Ramos.

Segundo ele, hoje são cerca de 1100 famílias morando na região, número que deverá se elevar em mais 278 famílias, que vão residir em condomínio habitacional no Braço Ribeirão Cavalo. Informações estas repassadas na audiência com o superintendente do Dnit.

Sem discriminar siglas partidárias e as esferas de governo, o vereador se mostrou decepcionado com a morosidade no setor público. “A gente se surpreende como os órgãos públicos são engessados. A demora em uma licitação é em todos os órgãos. É lamentável”, comentou.

Para o vereador, o Km 75 da BR-280 pode “se tornar um ponto de referência das fatalidades” devido ao grande fluxo de veículos e de pessoas, caso providências urgentes não sejam tomadas. Disse que a construção da rotatória integra o Crema 2, que engloba uma série de outras obras, que serão licitadas juntas. “Só queria deixar registrada a minha decepção”, frisou.

Espaço em sessão

O vereador Ademar Possamai teve deferido pelo presidente Jaime Negherbon pedido para que a Câmara ceda espaço para que a equipe do projeto do VLT – Veículo Leve sobre Trilhos – venha explanar sobre o mesmo e sobre o resultado de viagem a Fortaleza, mês passado, onde comitiva foi conhecer projeto de referência – o VLT do Cariri. Possamai integrou a comitiva.