no comments

Vereadores aprovam recursos para ampliar a qualidade de ensino em sala de aula

Os vereadores aprovaram na sessão desta terça-feira (04), em votação única (Regime de Urgência), por nove votos favoráveis e uma abstenção de Arlindo Rincos (PSD), o PL nº 282/2018, do Executivo, autorizando a abertura de crédito adicional suplementar no orçamento da Secretaria Municipal de Educação no valor de R$ 3,4 milhões para atender despesas com investimentos em equipamentos de informática, mobiliários e equipamentos diversos

Segundo a prefeitura, o remanejamento orçamentário tem por finalidade a aquisição de 1.290 Chromebooks e 35 estações de recarga, visando promover uma educação inovadora, atualizada e de alta performance na tecnologia educacional, oferecendo ambientes com equipamentos inovadores aos alunos e professores, tendo em vista, ainda, o novo ano letivo de 2019. “Um projeto importantíssimo. Temos que parabenizar a administração por levar informatização às escolas”, defendeu o líder de governo Pedro Garcia (MDB).

“O interior também precisa de internet, precisamos e tecnologia. Teremos este equipamento, mas não vai funcionar lá”, disse Eugênio José Juraszek (PP).

Jaime Negherbon (MDB) afirmou que a educação em Jaraguá do Sul está indo bem, ao contrário do estado. “Eu digo que o estado deixa a desejar com a educação”, lamentou.

 Arlindo Rincos (PSD), disse que o Executivo deveria destinar os recursos para construção de novos CMEIs no município. “Eu acho importante, mas teríamos outras prioridades para investir”, pontuou.

Marcelindo Carlos Gruner (PTB), lembrou que o projeto está propondo qualidade na educação ao investir em tecnologia no ambiente escolar. “Construções são outras coisas. Não podemos deixar de investir em tecnologia. Não tem nada a ver com construção de prédios”, disse.